Domingo, 14 de Julho de 2024
29°

Parcialmente nublado

São Luís, MA

Polícia maranhão

POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO DEFLAGRA OPERAÇÃO DE COMBATE AO “GOLPE DO NUDES”

“GOLPE DO NUDES”

15/11/2023 às 16h34
Por: wallyson sousa
Compartilhe:
POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO DEFLAGRA OPERAÇÃO DE COMBATE AO “GOLPE DO NUDES”

Na manhã desta terça-feira(14), as Polícias Civil dos Estados do Maranhão e Rio Grande do Sul deflagraram, uma operação policial de combate a crimes de extorsão praticados no ambiente digital, contra a prática denominada popularmente “Golpe do Nudes”. A ação policial cumpriu mandados de busca e apreensão e de prisão em cidades da Região Metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Segundo as investigações coordenadas pelo Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos(DCCT/SEIC), o golpe funciona da seguinte forma: os criminosos utilizam nomes fictícios e imagens reais de jovens atraentes, chamavam as vítimas para uma conversa em aplicativos de mensagens, onde trocavam imagens íntimas. Após os estelionatários adquirem as imagens das vítimas, eles criavam uma nova identidade (geralmente se passando pai da suposta jovem.

Ainda de acordo com as investigações, o falso pai era responsável por informá-la de que as jovens eram, supostamente, menores de idade. Em seguida, exigia dinheiro para não divulgar as fotos íntimas e as conversas.

Nesta terça, a Polícia Civil do Maranhão, com apoio operacional da Delegacia de Polícia de Repressão aos Crimes Informáticos e Defraudações (DRCID) e da Superintendência dos Serviços Penais(SUSEPE) do Rio Grande do Sul conseguiram cumprir 03 mandados de prisão e 06 mandados de busca e apreensão, inclusive no interior de uma cela do sistema prisional.

Na ocasião, foram cumpridos mandados de bloqueio de valores em conta e de bens, visando descapitalizar o grupo criminoso. Um quarto mandado de prisão preventiva ainda está pendente de cumprimento e estão sendo realizadas diligências para capturar o foragido.

Segundo o delegado Guilherme Campelo, chefe do Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos(DCCT), no Maranhão, foram identificadas cerca de 11 vítimas da quadrilha. O caso segue sendo investigado com intuito de identificar outros integrantes do bando criminoso.  POR: ASCOMPC/MA

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias